quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Certa_mente

Há dias certos,
na certeza dos dias,
certamente.
Na luz da existência,
há sombra de vida incerta,
certamente.
Nas palavras que penso,
com apreço, sem pressa,
sopro-lhes àvida a vida,
nas letras somadas.
Disso estou certa.
E quem está certa,
não mente.

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

About wonder(land)


quinta-feira, 12 de julho de 2018

(A)calma

A calma acalma a alma.

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Tu(a)

Ser um ser,
ter a luz, a minha,
fazê-la tua,
ser assim,
dar de mim,
a ti, ser só,
quem sabe, um dia,
tua.

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Cor(agem)

Aceleras o passo,
para largar aquele passado,
pesado, acabado.
Queres à força, fazes um esforço,
avistas a esquina, queres alcançá-la,
dobrá-la.
O teu depois está ali, logo ali,
(in)visível.
Cor. Tem cor o teu futuro.
Tu, tem cor(agem).
E se eles não agem, age tu.
Faz tu, diz tu, sê tu.
Vá, tira a roupa.
Atira-te, já.


domingo, 8 de abril de 2018

Champanhe caro

Despertar do sonho,
pegar na caneta da sorte,
sentir as palavras borbulharem,
como champanhe caro.
Escrever tudo de seguida,
sem perder o norte,
soprar-lhes oxigénio,
trazê-las à vida depois da morte.

A palavra é ilusória,
a palavra é peremptória,
a palavra é difamatória,
a palavra faz história.

Despertar da sorte,
pegar na caneta do sonho,
sentir as palavras como champanhe,
a borbulharem, caras.
Escrever tudo sem norte,
de seguida, as palavras,
soprá-las da morte,
dar-lhes oxigénio,
trazê-las à vida.
As palavras.

sábado, 7 de abril de 2018

Price(less)

Escrevia bem que doía,
palavras cheias de poesia,
inspirado nas miúdas, dizia,
fazia acontecer a magia,
era só querer, e ele queria.
Sempre todo cheio de glam,
passava na rua, os corações bam,
este rapaz, meu deus, god damn.
Era um maker, não tinha um hater.
Nem um.
E um dia ela quis conquistá-lo,
hey, tu aí, olha lá para mim,
e ele lançou aquele olhar,
a fugir meio de esgar,
como quem se está a marimbar.
E ela vira-se para ele,
tu és todo glitter, és brilhante,
não sejas aquele boy secante,
que não tem tempo a perder.
Não queiras ter aquela fame,
everybody knows your name.
Tu sabes fazer acontecer,
tudo o que tocas é viral,
quero dar-te aquele aval,
mas ya, não queres 'tasse bem,
não faz mal.
E não é que ele foi atrás dela?